quinta-feira, 12 de setembro de 2013


Depois de um dia inteiro ao lado dela, me surpreendi com seu ato. Ela, abrindo mão de tudo e dizendo como queria me ver feliz, mesmo que com um outro alguém. Mostrando que o amor que sentia era verdadeiro. Me parou em frente a loja e disse: "Entra lá. Você deveria chamá-la pra sair. Ela é bonita, tem um sorriso que me faz entender os motivos de você suspirar, parece ser inteligente e uma boa pessoa. Sério, vocês precisam se conhecer, eu sei disso". 

Nesse momento, nessas palavras, notei sua evolução. O modo como havia crescido e como me orgulhava disso. Esse era a razão por ter me apaixonado. Ela, me dando a maior prova de amor, e eu, sendo egoísta. Não a querendo pra mim e nem com mais ninguém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário