quinta-feira, 30 de setembro de 2010


Muitas pessoas dizem que sentem saudade da infancia, talvez eu seja a única anormal que não sinta nem um pouco. É obvio que era mais fácil quando a minha maior preucupação era não perder a hora de teletubies ou de chiquititas, também era bem mais fácil quando os únicos machucados que eu tinha era um ralado no joelho ou um corte no cotovelo (destes eu sinto falta). Talvez eu não sinta saudade porque sempre fui uma criança estranha, e apesar de sempre estar brincando na rua eu era feliz mesmo quando estava sozinha no meu quarto com meus livros de contos de fadas e bonecas, sem contar que minha maior vontade sempre foi ser independente. Talvez eu não sinta saudade porque ainda me sinto a mesma garota de 10 anos atrás, eu ainda choro quando quero chorar, ainda brinco de boneca se me der vontade e se passar teletubies pode crer que não vou me envergonhar em assistir. Eu só amadureci, talvez rápido demais como me custumam dizer, mas a minha essencia continua a mesma daquela garota de 5 anos emburrada na festa de aniversario pois não queria tirar fotos.